CAMPO E LAVOURA – Os primeiros detalhes

A 23 dias do início da Expointer 2020 Digital, começam a surgir os detalhes da participação das agroindústrias familiares. O assunto foi tema de reunião na tarde de ontem. A ideia é que os produtos possam ser comercializados por meio de sistema de drive-thru organizado no parque Assis Brasil, em Esteio. Veja o que se sabe sobre o funcionamento neste momento:

NÚMERO DE PARTICIPANTES

Serão cerca de 60 vagas (na presencial de 2019, havia 316). Para garantir diversidade, explica Jocimar Rabaioli, assessor de política agrícola e de agroindústria da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag-RS), é provável que haja limitação para cada categoria de produto. A relação dos empreendimentos participantes é esperada para até o início da próxima semana.

DRIVE-THRU

Será montada estrutura para acesso, de carro, pelo portão 1, no lado da BR-116. Os compradores seguirão, em sentido único, até o pavilhão. Cada estande deve ter três vagas. Será possível parar em mais de um empreendimento, mas sempre no mesmo sentido. Ou seja, sem retorno. Feitas a compras, o veículo sairá pelo mesmo local de entrada (mas no sentido de saída). Não será possível circular pelas outras áreas do parque.

ACOMODAÇÕES

Produtores participantes deverão ficar acomodados em estrutura a ser montada dentro do parque para os dias da exposição (de 26/9 a 4/10).

PROTOCOLO

Ao chegarem no parque, os agricultores deverão ser testados para covid-19. No momento das vendas, deverão usar máscaras, assim como os compradores, dentro dos veículos.

PAGAMENTO

Será possível pagar em dinheiro ou por meio de cartão.

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Compartilhe!