CAMPO E LAVOURA – Na soja, esperança vem da previsão

Nas previsões de tempo que indicam o retorno da chuva ao Estado, nesta semana, estão depositadas as esperanças de que as perdas sejam estancadas e de que o plantio da soja possa avançar.

– Cada dia que passa, o risco e a chance de um final de safra com maior dificuldade aumentam – observa Alencar Rugeri, diretor técnico da Emater.

Pelo menos 63 municípios já declararam situação de emergência. Presidente da Famurs, ele diz que a lista crescerá:

– A tendência é começar a vir (decreto) em cadeia.

Como há tempo para recuperar o atraso na soja, o foco, por ora, está no milho e na alimentação dos animais, reforça o secretário de Agricultura Covatti Filho.

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *