CAMPO E LAVOURA | Merenda em casa

Agora, a distribuição de merenda escolar em casa, durante o período da suspensão das aulas da rede pública por conta do coronavírus, depende apenas da sanção presidencial.

Ontem, o Senado aprovou o projeto de lei que permite que se dê continuidade aos repasses do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), oriundo do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNAE).

Os alimentos deverão ser distribuídos aos pais ou aos responsáveis pelos estudantes da educação básica da rede pública durante o período em que estiverem sem aulas.

A medida também beneficia a agricultura familiar – pelo menos 30% da verba deve ser destinada para a compra de itens desses produtores.

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN
Fonte: Zero Hora

Compartilhe!