CAMPO E LAVOURA – Chuva alivia, mas alerta permanece

A chuva tem amenizado as dificuldades da safra, embora em algumas culturas haja prejuízos consolidados. Boletim divulgado ontem pela Defesa Civil contabiliza 101 decretos de emergência.

Um deles é São Gabriel, na Fronteira Oeste, que aguarda a homologação. Importante produtor de arroz e soja, soma R$17 milhões em prejuízos.

Segundo o prefeito Rossano Gonçalves, a chuva dos últimos 10 dias permitiu retomar o cultivo da soja, mas não foi suficiente para recompor a umidade do solo.

– Com a chuva, houve resposta hidrológica para amenizar a situação crítica que vinha persistindo no Estado. No entanto, segue a condição de alerta, especialmente nas bacias do Gravataí, do Sinos e da região noroeste – explicou o coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Júlio Cesar Rocha Lopes.

entidades haviam assinado, até ontem, carta pública de mobilização contra o Projeto de Lei 260/2020, do Executivo e que tramita em regime de urgência na Assembleia Legislativa. O texto modifica a legislação que regra o uso de agrotóxicos no Estado. Hoje, exige-se que o produto tenha autorização também no país de origem para ter a liberação. Na semana passada, representações do setor produtivo divulgaram documento em que manifestaram apoio à proposta.

*Colaborou Laura Becker

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *