CAMPO E LAVOURA | Aftosa: dia de formalizar o pedido

Será feita hoje a solicitação formal à Organização Mundial de Saúde Animal para o Rio Grande do Sul ter certificação internacional de zona livre de aftosa sem vacinação.

O aval nacional foi dado nesta semana pelo Ministério da Agricultura – concedido também a Paraná, Acre, Rondônia e regiões dos Estados do Amazonas e de Mato Grosso. Com o status, há mudança nas regras de trânsito animal proveniente de Estados onde ainda é feita a imunização.

O secretário da Agricultura, Covatti Filho, encontrou-se ontem com a ministra Tereza Cristina em Brasília. Além do item aftosa, trataram do monitoramento da nuvem de gafanhotos da vizinha Argentina – o governo federal liberou R$ 646 mil para ações de observação e controle, se necessárias, em caso de eventual entrada no Estado.

GISELE LOEBLEIN

Fonte: Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *