CAMPO ABERTO – UVA SEM SEMENTES

Para atender ao desejo do consumidor e encarar o clima temperado da serra gaúcha, a Embrapa Uva e Vinho desenvolveu uma nova variedade de uva sem semente. A cultivar BRS Melodia será apresentada hoje a produtores e técnicos em Bento Gonçalves. Além de não produzir sementes, a variedade de cor rosada apresenta consistência crocante, alto teor de açúcar e sabor que lembra frutas vermelhas.

– É a primeira variedade brasileira sem sementes a se adaptar bem à Região Sul. Cultivares estrangeiras como thompson, crimson e superior seedless funcionam bem em outros países, mas aqui não se adaptaram – explica João Dimas Maia, pesquisador de melhoramento genético de videiras na Embrapa Uva e Vinho.

Outra novidade desenvolvida pela empresa de pesquisa é a BRS Bibiana, resistente a doenças fúngicas e voltada à produção de vinhos brancos. A intenção é que as frutas resultem em bebidas com características semelhantes às de vinhos feitos com variedades europeias, como o sauvignon blanc. A diferença está no custo, já que a resistência a doenças deverá reduzir a necessidade de uso de defensivos químicos.

– Nosso propósito é desenvolver uvas viníferas finas que sejam resistentes à podridão de cacho, um grande problema quando chove muito na Serra – explica Maia.

A duas variedades devem estar disponíveis ao mercado a partir de 2020. Elas integram o programa de melhoramento genético Uvas do Brasil, e tem potencial para alcançarem produtividade de aproximadamente 25 toneladas por hectare, se receberem manejo adequado e forem cultivadas sob cobertura plástica, segundo recomendação da Embrapa.

joana.colussi@zerohora.com.br

JOANA COLUSSI

Fonte : Zero Hora