CAMPO ABERTO – Treinamento antes do começo

A multinacional Bayer prepara o terreno para o lançamento da terceira geração de soja transgênica. A previsão é de que a Intacta 2 Xtend chegue ao circuito comercial brasileiro em 2021. A tecnologia tem autorização para uso no país e na comunidade europeia, mas aguarda o aval da China.

Até lá, a novidade será testada em áreas experimentais de 250 agricultores selecionados. Cerca de 10% estão no Rio Grande do Sul, onde terminou ontem demonstração a campo em Não-Me-Toque, no Norte (foto).

Entre as ações, houve simulação da forma correta de aplicação do dicamba, usado no combate de ervas daninhas com folhas largas, caso da buva. A nova variedade de soja será tolerante ao uso desse herbicida, além do glifosato.

Nos Estados Unidos, o dicamba foi alvo de polêmica por problemas de deriva. A Associação dos Produtores de Soja do Brasil emitiu em setembro comunicado recomendando a busca de informações sobre impactos do uso produto.

André Menezes, gerente de lançamento do dicamba, relata trabalho de informação:

– Estamos sendo bastante transparentes, abertos. Explicando o que é, quais os benefícios, o manejo. Realmente é preciso ter cuidado, fazer a aplicação correta, para evitar a deriva. Estamos no Brasil inteiro avaliando pulverizadores e como é feita a aplicação.

gisele.loeblein@zerohora.com.br 3218-4709

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora