CAMPO ABERTO – JUSTIÇA DOS EUA REDUZ INDENIZAÇÃO DA MONSANTO

No mais recente capítulo da batalha judicial de um jardineiro americano contra a multinacional Monsanto (agora Bayer), uma juíza manteve decisão anterior que determina o pagamento de indenização em caso sobre o potencial cancerígeno do glifosato. Ainda milionário, o valor foi reduzido de US$ 289 milhões para US$ 78 milhões.

A empresa havia entrado com recurso e solicitava a realização de novo julgamento. O jardineiro Dewayne Johnson tem até o dia 7 de dezembro para aceitar esta nova quantia. Caso não concorde, será realizado um outro processo, determina a juíza, que manteve os fundamentos da deliberação de primeira instância.

A Bayer declarou que "a decisão do tribunal de reduzir a indenização em mais de 200 milhões de dólares é um passo na direção correta, mas seguimos pensando que o veredito de responsabilidade e a concessão de indenização não tem base nos elementos do processo ou no direito".

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *