CAMPO ABERTO – ESTADO QUER GESTÃO PRIVADA NO PARQUE

No lançamento da 41ª Expointer, o vice-governador José Paulo Cairoli confirmou que o Estado e a construtora Bolognesi irão desfazer o acordo firmado em 2015 para a modernização do Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, onde ocorre a feira. A informação foi antecipada pela coluna. Segundo Cairoli, o interesse em romper o acerto é de ambas as partes. A intenção do governo é propor que a administração seja assumida pela iniciativa privada.

– Somos o único parque do país com gestão pública. Vamos ver se há interesse no mercado – argumentou.

As entidades que participam da organização da Expointer já foram informadas sobre a iniciativa. A meta é tentar formalizar o projeto ainda em 2018.

No ano passado, a hipótese de colocar um ponto final na parceria já era considerada. A implantação de residencial ao lado do parque, que seria feita pela Bolognesi, foi alvo de ação do Ministério Público, que obteve liminar suspendendo qualquer obra na região.

Esse imbróglio judicial teria pesado na decisão de desfazer o contrato assinado em julho de 2015. A coluna procourou a construtora, mas até o fechamento da edição não conseguiu contato.

Pela parceria, a Bolognesi construiria dique para conter a água do Arroio Esteio, no entorno do parque. E ficaria responsável pela modernização de área de 23,7 hectares, com espaço comercial, educacional e de eventos. O aporte inicial seria de R$ 16,19 milhões.

Com o contrato desfeito, ainda que o governo busque novo modelo de parceria (dessa vez na gestão), o objetivo de dar vida útil ao Assis Brasil durante todo o ano volta à estaca zero. E, considerando que 2018 é ano de eleição, podendo haver mudança no comando do Estado, fica difícil prever prazos para implantação do novo projeto.

O lançamento da Expointer, que nesta edição tem o slogan Nossa Gente, Nossa Força foi realizado na Casa da Música da Ospa, no Centro Administrativo do Estado, na Capital. Contou com a presença de vários artistas regionais, como Elton Saldanha, Renato Borghetti e Orquestra da Ospa. O poeta e publicitário Luiz Coronel também participou da cerimônia (veja nota ao lado).

gisele.loeblein@zerohora.com.br gauchazh.com/giseleloeblein 3218-4709

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *