CAMPO ABERTO | Carne brasileira valorizada

A demanda elevada por proteína animal brasileira impulsiona resultados do setor. Em outubro, os embarques de carne bovina alcançaram o maior volume para um único mês, segundo a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec), com 185,54 mil toneladas, avanço de 15% sobre outubro de 2018.

A receita cresceu 30% e somou US$ 808,4 milhões, 30% a mais.

Esse cenário está valorizando a proteína. Diretor-executivo do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados do RS, Zilmar Moussalle afirma que o valor do quilo da carcaça subiu da última semana para cá. O Estado tem unidades da Marfrig (Alegrete e Bagé) aptas a vender à China.

GISELE LOEBLEIN

Fonte: Zero Hora