CAMPO ABERTO – A OLHOS VISTOS

Se nas pistas da Expointer criadores exibem a genética de ponta dos rebanhos, na vitrine da carne, o que fica em evidência é a qualidade do produto que resulta de toda essa seleção desenvolvida nos campos. Com a parceria das associações de raça, a Federação da Agricultura do Estado criou um espaço único, por meio do Juntos Para Competir, que congrega Sebrae, Senar e Farsul.

A Vitrine da Carne Gaúcha chega à 11ª edição com demonstrações de cortes de bovinos das raças angus, hereford, braford e devon, zebuínos, ovinos e suínos. Lado a lado estão o ambiente que reproduz sala de desossa de frigorífico e a cozinha. O primeiro estará sob comando de Marcelo Bolinha. O outro, aos cuidados do chef Márcio Ávila.

– A ideia, neste ano, é mostrar outros tipos de cortes e possibilidades de aproveitamento. Não só picanha, costela, mas o que se pode fazer com uma carcaça – explica Luiz Alberto Pitta Pinheiro, assessor técnico do Sistema Farsul e coordenador da Vitrine.

O espaço fica na entrada do pavilhão internacional e terá atividades de 25 de agosto a 1 de setembro, em quatro horários: 10h30min (bovino), 12h (ovino), 14h (suíno) e 16h30min (bovino).

gisele.loeblein@zerohora.com.br gauchazh.com/giseleloeblein 3218-4709

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *