Campanha da Ceasa para evitar desperdício de alimentos

A meta é aumentar em 5% as doações anuais, que em 2013 totalizaram 1,1 mil toneladas.

por Gisele Loeblein

Campanha da Ceasa para evitar desperdício de alimentos arquivo pessoal/arquivo pessoal

No ano passado, 2% das 585 mil toneladas de hortigranjeiros que chegaram à central de abastecimento foram descartadas por não ter condições de venda ou consumoFoto: arquivo pessoal / arquivo pessoal

Para fazer com que cenas como a da foto não se repitam, a Ceasa está em campanha para mobilizar os atacadistas a ampliar as doações para o banco de alimentos de hortigranjeiros sem condições de venda, mas com valor nutricional. A meta é aumentar em 5% as doações anuais, que em 2013 totalizaram 1,1 mil toneladas.

— Nosso desafio é conscientizar os atacadistas para que façam a doação antes de o produto perder o valor nutricional e ter de ser jogado fora — destaca Gerson Madruga da Silva, diretor técnico operacional da Ceasa.

No ano passado, 2% das 585 mil toneladas de hortigranjeiros que chegaram à central de abastecimento foram descartadas por não ter condições de venda ou consumo. Nas últimas semanas, a chuva intensa comprometeu a produção gaúcha de tomate — que teve quebra de 50%.

— O produto apodreceu. Não tinha condição de ser vendido ou consumido — explica Sérgio Di Salvo, presidente dos atacadistas da Ceasa.

Fonte: Zero Hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *