Câmara Árabe-Brasileira destaca importância da produção gaúcha

Tamer Mansour, secretário- -geral da Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB), estima que os embarques brasileiros para o Oriente Médio devem aumentar nos próximos meses. Parte da queda no primeiro trimestre, avalia Mansour, se deve ao direcionamento maior de produção brasileira para a China, em 2019.Mansour pondera que houve um aumento das importações de grãos, no período, para a região, o que demonstra esse foco saudita em ter criações próprias de animais, por exemplo. Mas, com a pandemia, a visão teria muda um pouco, não tanto por produzir mais localmente, mas de comprar fora.

“Temos muitos pedidos de informações de dos países árabes querendo importar mais. E o Rio Grande do é importantíssimo nisto”, pondera Mansour.

Fonte: Jornal do Comércio