CAFÉ CRÉDITO – Governo libera R$ 201,5 milhões para financiar custeio do café

Recursos para cobrir despesas com tratos culturais estarão disponíveis até 28 de fevereiro de 2016, mas prazo pode ser estendido

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Safra de café 2015 deve alcançar 42,15 milhões de sacas
Quebra de safra de café no Espírito Santo exige monitoramento, diz governo
Produtores querem melhorar marketing do café brasileiro
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) liberou R$ 201,5 milhões para a linha de financiamento de custeio às instituições financeiras que operam com Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé).

Os recursos foram destinados para o Banco do Brasil (R$ 98 milhões), Rabobank (R$ 71 milhões), Coopacredi (R$ 12,5 milhões), Credivar (R$ 10 milhões) e Bradesco (R$ 10 milhões).

Desde o dia 1º de outubro até 28 de fevereiro de 2016, os cafeicultores e as cooperativas podem contratar o crédito disponível nos bancos. O prazo poderá ser estendido até 31 de julho, desde que o orçamento contenha verba para as atividades de colheita.

Tratos culturais

O financiamento do custeio das lavouras de café é destinado aos tratos culturais, incluindo as despesas com aquisição de insumos (fertilizantes, corretivos e defensivos), mão de obra, operações com máquinas e equipamentos, aplicação de herbicidas, arruação, transporte para o terreiro e secagem.

Fonte : Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *