Cadastro Ambiental Rural offline é lançado em Goiânia (GO)

Sistema Nacional de Cadastro Ambiental Rural (Sicar) foi inaugurado oficialmente em Porto Alegre (RS), no dia 28 de setembro

Reprodução

Foto: Reprodução

Versão está disponível no Sistema de Cadastro Ambiental Rural (Sicar)

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) módulo offline foi lançado nesta quarta, dia 23, em Goiânia (GO). A versão integra o Sistema de Cadastro Ambiental Rural (Sicar), inaugurado em Porto Alegre, no dia 28 de setembro, que abrigará dados do novo registro público e eletrônico de informações ambientais dos 5,2 milhões de imóveis rurais existentes no país. O CAR é prioridade para a implementação do novo Código Florestal e permitirá o acesso dos produtores ao crédito rural.
>> Entenda o Código Florestal

>> Acesse a página do Sicar

Com o sistema anunciado, é possível que os produtores realizem cadastro mesmo sem acesso à internet. Neste caso, é necessário baixar o módulo offline no site do Sicar (como mostra a imagem ao lado), que grava as informações, e, depois, enviar o arquivo sistema central.
O cadastro consiste no levantamento de informações geográficas do imóvel, com delimitação das Áreas de Proteção Permanente (APP), Reserva Legal (RL), remanescentes de vegetação nativa, área rural consolidada, áreas de interesse social e de utilidade pública. O objetivo é traçar um mapa digital a partir do qual são calculados os valores das áreas para diagnóstico ambiental.
No lançamento do Sicar, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, destacou que a apresentação do sistema em todo o país deve ocorrer até dezembro. Muito aguardado desde a promulgação do novo Código Florestal, em maio de 2012, o programa ainda apresenta desafios a enfrentar, como a interligação com os sistemas já existentes em alguns Estados. Nos próximos meses, o governo federal, em parceria com os Estados e outras instituições, iniciará uma série de capacitações técnicas para que esses agricultores não encontrem dificuldades para realizarem seus cadastros.
O governo do Estado garante que já capacitou técnicos e estabeleceu parcerias para atender os produtores rurais e facilitar o acesso ao cadastro.
– Desde janeiro, 1,500 técnicos foram capacitados, e em março começaram as parcerias. É um processo que vem acontecendo desde o início do ano para a implantação do CAR – diz o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Goiás, Leonardo Vilella.
>> Leia mais notícias sobre o CAR

CANAL RURAL

Fonte: Ruralbr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *