Bird defende restrições

O novo Código Florestal precisa prever, claramente, o impedimento de registro e aquisição de terras por produtores que cometeram crimes ambientais se quiser servir de instrumento para reduzir o desmatamento e o comércio ilegal de madeira. A opinião é do diretor de Operações para o Desenvolvimento Sustentável do Bird, Mark Lundell.

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *