Argentina desenvolve soja resistente à seca e inundações

Agricultura do país vizinho é constantemente afetada pelas variações climáticas

Áureo Lantmann

Foto: Áureo Lantmann

Produção de soja no país vizinho nesta safra sofreu queda em função do clima

Na Argentina, cientistas estão desenvolvendo uma sojaresistente à seca e inundações. A medida pode significar muito para a agricultura do país, prejudicada constantemente pelas variações climáticas. Só neste ano, mais de 600 mil hectares de terra foram inundados na região de Buenos Aires, segundo a Sociedade Rural da argentina. Em contrapartida no norte da região, os campos estão extremamente secos, por causa do longo período de seca.
Os cientistas descobriram o gene resistente à seca e que também pode ser introduzido em outras culturas, além da soja. Até agora, já foram realizados testes na soja, trigo e milho. Os resultados preliminares são favoráveis. De acordo com a Sociedade Rural Argentina, a produção de soja está estimada em 39,3 milhões de toneladas nesta safra, abaixo da expectativa inicial de 41 milhões de toneladas, tudo em função do clima.

CANAL RURAL

Fonte: Ruralbr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *