Após período de valorização, preços do café voltam a cair

Segundo analistas, queda foi provocada pela estiagem do último mês

AP Photo/ David McFadden

Foto: AP Photo/ David McFadden

Preços do café voltaram a cair nas últimas semanas

Após período de valorização, os preços do café voltaram a cair nas últimas semanas. Segundo analistas, a queda foi provocada pela estiagem do último mês, que favoreceu a colheita.
O clima quente e seco causou estrago no bolso do produtor de café do interior de São Paulo. Na região de Serra Negra, que produz cerca de 90 mil sacas do grão, agricultores devem vender a produção somente no fim do ano.
Segundo o gerente da cooperativa de produtores de Serra Negra (Coocaser), Bruno Baldini, 35% da produção na região foi prejudicada por causa das chuvas do começo do ano, mas mesmo assim os preços estão caindo. De acordo com a Coocaser, a saca que valia R$ 410,00 há um mês, hoje não passa de R$ 370,00.
Segundo levantamento feito pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), a saca chegou ao patamar de R$ 356,14 no dia 22 de junho. No final de julho, a saca da commodity fechou cotada em pouco mais de R$ 411,00 e nessa semana está em R$ 369,00. Segundo o analista da Gradual Investimentos, Francisco Arantes, os negócios estão parados por causa da desvalorização dos preços e o mercado só deve se normalizar no final do ano.
>>> RuralBR: confira as cotações atualizadas do café

CANAL RURAL

Fonte: Ruralbr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *