AGRICULTURANOTÍCIAS – INDÚSTRIA – Torneiro mecânico constrói máquina decorticadora de castanha

Manualmente, o rendimento é de 40kg por dia, com a máquina o número aumenta para 700kg por dia

O torneiro mecânico Francival Avelino da Silva, do município de Ocara (CE), construiu uma máquina decorticadora de castanha de caju com capacidade para cortar 700 kg de castanha por dia. Uma equipe da Embrapa visitou o inventor e conheceu o equipamento. 

Estiveram na oficina, na localidade de Novo Horizonte, o chefe de TT, Marlos Bezerra, e Fábio Paiva, Marcelino Neto e Antônio Calixto. De acordo com os técnicos, o equipamento é bem estruturado e composto por quatro canais de alimentação, sendo cada um munido com um silo para castanha previamente calibrada. A navalha de corte é acoplada numa estrutura da calha vertical e um condutor tipo faca direciona a castanha para o corte.

“Por meio de um vídeo divulgado pelas mídias sociais da Ascaju, descobrimos a máquina de corte feita por um inventor cearense. Ele estava acabando de concluir mais uma máquina e nos propusemos a visitá-lo para averiguar de perto” contou Marlos Bezerra.

Segundo ele, a Embrapa ofereceu suporte no sentido organizacional e para fazer manuais explicativos, visto que o equipamento pode melhorar o rendimento das mini fábricas.

Segundo o pesquisador Fábio Paiva, há cerca de dez anos foi feita a primeira importação de um equipamento similar, de origem chinesa, para uma pequena fábrica de castanha de caju no Maranhão. Enquanto o corte manual corta 40kg por dia, a máquina que possui quatro lâminas rende 700kg por dia.

Fonte : Canal Rural

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *