Agricultura: Foco em educação

Fonte:  Valor

Sergio Zacchi/ Valor

Reconduzido à presidência da Sociedade Nacional de Agricultura (SNA) em eleições realizadas em julho, Antonio Mello Alvarenga Neto pretende concentrar esforços para fortalecer o papel da entidade na capacitação de mão de obra voltada ao campo. "O setor enfrenta problemas de gestão", afirmou o dirigente ao Valor. Sediada no Rio de Janeiro, onde o setor é pouco representativo, a SNA procura se manter "independente" de outras associações, conta com patrimônio próprio e obtém receitas com a prestação de serviços. Segundo Alvarenga, entre os serviços prestados está um curso de veterinária mantido pela SNA, além de outros menores. "Temos novos cursos em desenvolvimento, inclusive de gestão", diz ele. Diferentemente de outros dirigentes de entidades ligadas ao agronegócio, Antonio Alvarenga não é produtor agropecuário. Herdou o gosto pelo setor de seu pai, e hoje se considera um "fazendeiro de papel". Para se manter em dia sobre o setor, criou uma carteira de ações de empresas ligadas ao campo e vem conseguindo retorno com os investimentos – ainda que alguns papéis apresentem pequena liquidez. (Fernando Lopes)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *