Agrenco apresenta novo plano de recuperação judicial

SÃO PAULO – A trading agrícola Agrenco informou hoje que apresentou seu novo plano de recuperação judicial à 1ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais do Fórum Central de São Paulo. O conteúdo do novo plano ainda não foi divulgado. Uma assembleia geral de credores deve ser convocada para os próximos dias.

No fim de abril, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo havia suspendido o plano anterior, que previa a venda de suas duas unidades produtivas, em Caarapó (MS) e Alto Araguaia (MT). A decisão foi considerada uma vitória da empresa, que conseguiu proteger seus principais ativos de uma alienação.

A relação da direção com os credores, no entanto, continua nebulosa, e os dois lados estão distantes de um acordo. Segundo o representante de um dos credores com garantia real — os segundos a receber na lista, depois dos trabalhistas —, a Agrenco entrou na Justiça para anular as garantias, especificamente àquelas que tinham como lastro as plantas de Alto Araguaia e Caarapó.

Há pouco, os recibos de ações da Agrenco negociados na BM&FBovespa (BDRs, na sigla em inglês) eram negociados em baixa de 1,43%, a R$ 0,68. No ano, no entanto, os papéis acumulam alta de quase 200%, na expectativa de uma retomada da companhia.

A trading, que estreou na bolsa brasileira em 2007, está em recuperação judicial desde 2008 e está com as operações suspensas desde novembro de 2011.

(Natalia Viri | Valor)

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3136650/agrenco-apresenta-novo-plano-de-recuperacao-judicial#ixzz2UDdhT2or

Fonte: Valor | Por Natalia Viri | Valor

Compartilhe!