Abate de bovinos é maior desde 2007

O abate de bovinos em 2012 foi o maior desde 2007, com alta de 8% em relação a 2011, informou ontem o IBGE. O instituto aponta a redução dos preços nos mercados interno e externo, e o aumento das exportações como as principais causas que elevaram o número para 31,118 milhões de cabeças, superando os 30,713 milhões de cinco anos antes. A pesquisa também mostra que o abate de bovinos no quarto trimestre de 2012 foi o maior desde o início da série histórica, com 8,186 milhões de animais. O trimestre teve aumento de 1,7% ante o terceiro.

Apesar da alta nacional no ano passado, o Nordeste foi a única região em que o abate caiu (-0,3%), resultado que foi puxado principalmente pelas diminuições de 24,5% em Pernambuco e de 11,5% no Ceará. Já o Centro-Oeste elevou o abate em mais de 1,4 milhão de bovinos, ampliando a participação na produção nacional de 36,5% para 38,5%. A evolução fez cair a participação das outras regiões, mesmo que todas tenham tido altas: Norte (aumento de 220.072), Sudeste (elevação de 413.799) e Sul (crescimento de 191.621).

A pesquisa também mostrou que o abate de suínos cresceu 3,2% (35,980 milhões de cabeças). A produção está focada em Santa Catarina (24,8%), Rio Grande do Sul (18%) e Paraná (16%). Na contramão, o abate de frangos caiu 0,9% com o aumento dos insumos de produção (milho e soja).

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *