Vaivém – Plantio de soja mantém ritmo lento na safra 2017/18 na América do Sul

CANARANA, MT, 04.04.2017: AGRICULTURA-MT - Colheita de soja em Canarana (MT). (Foto: Mauro Zafalon/Folhapress)

Colheita de soja em Canarana (MT)

Praticamente terminada a safra de grãos dos Estados Unidos, o mercado está de olho na produção da América do Sul, cujo plantio ainda está ocorrendo.

A condição inicial desta safra, porém, fica bem distante da do ano passado, quando o clima foi bastante favorável e a região conseguiu uma produção recorde de 188 milhões de toneladas.

O Brasil, líder em soja na região, está com atraso no plantio em várias localidades. A AgRural estima a média nacional em 30%, mas em alguns Estados, como o de Goiás, as máquinas avançaram em apenas 6% da área.

No mesmo período de 2016, os produtores já haviam semeado soja em 42% do espaço que lhe seria destinado. Atraso pode significar perda de produtividade.

A safra de 2014/15 foi a última em que Goiás registrou percentual tão baixo de plantio. Na ocasião, a produtividade foi de 43,2 sacas por hectare. Neste ano, foi de 55,1.

Os argentinos estão começando o plantio agora. Segundo a Bolsa de Cereais de Buenos Aires, apenas 2% da área foi semeada. Os produtores encontram dificuldades em várias regiões devido ao excesso de chuvas.

A área de soja de 2017/18 será reduzida para 18 milhões de hectares no país, 6% menos do que na safra anterior.

Além de enfrentarem dificuldades de plantio, muitos produtores argentinos optam pelo milho, que promete rentabilidade maior, segundo Daniele Siqueira, da AgRural.

No Paraguai, o avanço das máquinas é grande: 92% da área de soja já foi semeada.

Prevendo problemas na América do Sul, o Usda (Departamento de Agricultura dos EUA) estima 180 milhões de toneladas para a região

*

Inflação Os produtos agropecuários tiveram alta de 0,76% neste mês no atacado, conforme acompanhamento de preços do IGP-M, da FGV. Em setembro, estes haviam registrado estabilidade.

Pressões As maiores pressões de alta no atacado vieram do milho, da soja, da batata e da carne bovina. O leite, com recuo de 7%, teve a maior queda de preço no período.

Evitar prejuízos Erro na aplicação da vacina contra a aftosa pode gerar um prejuízo de até R$ 40 por carcaça. Perdem produtores e indústria. A avaliação é da JBS.

Memes em rede Para reduzir essa conta, a empresa lança nesta quarta-feira (1º) uma campanha chamada "Vacina, peão!", com o objetivo de orientar a vacinação de forma correta. A empresa vai divulgar memes em redes sociais.

Metas O grupo paranaense Guerra, que fez joint venture com a francesa RAGT na semana passada, espera voltar a ter 2,5% de participação no mercado de sementes de milho.

Metas 2 A joint venture impulsionará também o mercado de trigo no Brasil. Luiz Fernando Guerra, do grupo Guerra, espera não só pôr novas variedades à disposição dos produtores mas também convencê-los a plantar.

Boa impressão Os europeus ficaram impressionados com os números do CAR (Cadastro Ambiental Rural) no Brasil, segundo Fábio Trigueirinho, da Abiove (associação das indústrias). São 4,4 milhões de propriedades rurais cadastradas.

Sustentabilidade Os números foram apresentados por entidades do agronegócio, que percorreram vários países europeus com o intuito de mostrar a sustentabilidade da soja brasileira.

*

MATO GROSSO LANÇA CONCESSÃO DE RODOVIAS

Líder nacional na produção de grãos e detentor do maior rebanho de gado do país, Mato Grosso poderá ter sérios problemas para escoar produtos nos próximos anos.

Os dados atuais já são expressivos: a produção de grãos da safra 17/18 deverá atingir 65 milhões de toneladas, e o rebanho supera 30 milhões de cabeças.

Para melhorar a infraestrutura de transportes, o governo estadual pretende fazer um programa de concessão de rodovias de 3.125 km até o final de 2018. A primeira fase abrangerá 525 km.

O investimento inicial privado deverá atingir R$ 1,5 bilhão, somando mais R$ 1,6 bilhão ao longo dos 30 anos seguintes, prevê o governo.

A fim de atrair investimentos para o programa de concessão de rodovias, representantes de Mato Grosso promoverão, nesta terça-feira (31), em São Paulo, um encontro com investidores.

Mauro Zafalon/Folhapress

Por Mauro Zafalon

Vaivém das Commodities

Mauro Zafalon é jornalista e, em duas passagens pela Folha, soma 40 anos de jornal. Escreve sobre commodities e pecuária. Escreve de terça a sábado.

Fonte : Folha