Unctad alerta para impacto da agricultura no ambiente

Países que têm agricultura em escala industrial, como o Brasil, precisam reagir drasticamente para evitar sérios problemas ambientais no rastro de mudanças climáticas, segundo um relatório da Agência das Nações Unidas para o Comércio e Desenvolvimento (Unctad), divulgado ontem. "A produção mundial de carnes é responsável por 20% de todas as emissões de gases de efeito estufa", exemplificou Ulrich Hofmann, um dos autores do relatório. "E a agricultura sozinha é responsável por 80% das emissões no Brasil; é enorme".

Enquanto a Unctad divulgava em Genebra seu relatório sobre a importância de "se fazer a agricultura realmente sustentável para a segurança alimentar em meio à mudança climática", em Bruxelas a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) apresentava um estudo no qual constata que as preocupações ambientais têm baixa prioridade nas políticas de subsídios ao setor agrícola.

Segundo a Unctad, os governos não contam os custos ambientais da agricultura industrial, em geral. O relatório cita várias tendências que "sugerem crises" futuras: os preços de alimentos entre 2010 e metade de 2013 foram 80% mais elevados do que no período 2003-2008; o uso de fertilizantes cresceu oito vezes em 40 anos, embora a produção de cereais só tenha dobrado no período; a taxa da produtividade agrícola caiu recentemente de 2% para 1% por ano.

A Unctad alerta para dois tipos de "estragos ambientais irreparáveis" causados pela agricultura: contaminação de nitrogênio no solo e na água e perda de biodiversidade. Para a agência, os governos precisam estimular a produção local para consumo doméstico, com novos métodos de produção. (AM)

© 2000 – 2013. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/agro/3275178/unctad-alerta-para-impacto-da-agricultura-no-ambiente#ixzz2fLELYCvf

Fonte: Valor | Por De Genebra