.........

Suspenso debate sobre fumo no RJ

.........

Fonte: Correio do Povo

O Sinditabaco conseguiu na Justiça uma liminar suspendendo as audiências públicas que a Anvisa faria hoje, no Rio de Janeiro, para discutir restrições ao fumo. Ontem à noite, a Anvisa declarou que pretendia reverter a situação até esta manhã. As audiências previam debates sobre as consultas públicas n 112 e n 117, da Anvisa, realizadas neste ano. Uma prevê o fim da adição de açúcares e aromatizantes na composição do cigarro nacional, o que inviabilizaria a produção do tabaco tipo Burley, atingindo cerca de 50 mil pequenos agricultores. Outra tornaria mais rígida a regra para venda e exposição no varejo.
A liminar foi concedida pela Justiça Federal. Entre os argumentos da indústria está o que defende que as audiências deveriam ocorrer no Sul do país. Segundo o presidente do Sinditabaco, Iro Schünke, quase a totalidade dos milhares de questionários recebidos pela Anvisa partiram do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e do Paraná. O Sinditabaco questionou também a limitação do número de participantes nas audiências, de 50 pessoas.