Seapa detalha modelo do Fundoleite

O secretário da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi, reúne-se hoje com representantes do Sindilat para debater o modelo proposto para criação do Fundoleite, cujo projeto tramita na Assembleia (AL) e vem sendo criticado pelo setor. Do encontro, poderão sair possíveis entendimentos entre a indústria e o governo antes de envio de emenda que isenta os produtores de contribuição para o fundo à AL. Mainardi explica que o projeto visa avançar na organização da gestão da cadeia. ‘Não temos sequer um sistema oficial de controle leiteiro. O RS precisa de um instituto que pense na qualificação do produtor até o desenvolvimento de novos produtos a partir de uma visão sistêmica.’

Ele explica que o Fundoleite será um fundo público, com recursos públicos e privados, com desenvolvimento e gestão dos projetos por meio do Instituto Gaúcho do Leite, que será privado. O secretário garante que, de acordo com a proposta, 100% dos recursos destinados ao Fundoleite serão repassados automaticamente ao Instituto. ‘Estamos abrindo para que a iniciativa privada elabore os projetos, isso é um avanço. O modelo não é perfeito, mas foi o melhor que nós encontramos.’ Questionado sobre a possibilidade de criação de um instituto sem a obrigatoriedade de um fundo, Mainardi alegou que não haveria recursos.

Fonte: Correio do Povo