Saldo da Balança Comercial do agronegócio é de US$6,25 bilhões

De janeiro a julho de 2015, as exportações do Estado de São Paulo somaram US$26,57 bilhões (23,5% do total nacional), e as importações, US$ 39,45 bilhões (36,4% do total nacional), registrando um déficit de US$ 12,88 bilhões, informa a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. O agronegócio paulista apresentou exportações decrescentes (-10,7%), atingindo US$ 9,39 bilhões e importações também em queda (-11,8%), resultando em um saldo US$ 3,14 bilhões.
A participação das exportações do agronegócio paulista no total do estado diminuiu 0,3 ponto percentual, enquanto a participação das importações aumentou 0,8 ponto percentual na comparação do período janeiro-julho de 2015 com o de 2014.
A balança comercial brasileira registrou superávit de US$4,61 bilhões de janeiro a julho de 2015, com exportações de US$112,86 bilhões e importações de US$108,25 bilhões. O superávit comercial resultou de queda nas exportações (-15,5%) inferior à das importações (-19,5%). As exportações do agronegócio brasileiro diminuíram 10,8% em relação a igual período do ano anterior, atingindo US$52,37 bilhões (46,4% do total). Já as importações do setor caíram mais (-16,6%), também na comparação com o período de janeiro a julho de 2014, somando US$8,21 bilhões (7,6% do total). O superávit do agronegócio em janeiro-julho de 2015 foi de US$44,16 bilhões, sendo 9,7% inferior ao do mesmo período do ano passado.
A participação do agronegócio nos totais do país aumentou em termos das exportações (+2,4%) e também com relação às importações (+0,3%). A participação paulista no total da balança comercial brasileira aumentou em termos das exportações (1,4%), destacou o pesquisador.


Fonte: Famasul