Safra de trigo do RS tem queda de quase 35% por ‘chuvas desfavoráveis’

 

Segundo a Emater/RS, a safra atual ficou em 1,49 milhão de toneladas.
Houve queda de granizo e ventos fortes, com formação de geada tardia.

A safra de trigo do Rio Grande do Sul em 2015 teve quebra de quase 35% em relação às previsões iniciais da temporada, por efeitos das "péssimas condições enfrentadas pela cultura ao longo de todo seu ciclo", disse nesta segunda-feira (7) o órgão estadual de extensão rural.

Segundo a Emater/RS, a safra atual ficou em 1,49 milhão de toneladas, ante projeção inicial de 2,27 milhões de toneladas.

Safra de trigo do Rio Grande do Sul em 2015 teve quebra de quase 35%. (Foto: Reuters)

Safra de trigo do Rio Grande do Sul em 2015 teve quebra de quase 35%. (Foto: Reuters)

Na semana passada, a Emater chegou a divulgar que a quebra de produção havia sido de mais de 50%, mas corrigiu a comparação nesta segunda.

Em relação a 2014, de 1,67 milhão de toneladas, também prejudicada pelo clima, a colheita de 2015 caiu cerca de 11%.

"Durante o ciclo do trigo ocorreram intensas precipitações, mais concentradas no período do plantio e próximas à colheita, comprometendo a formação inicial das lavouras e a qualidade final do produto", reiterou a Emater nesta segunda-feira.

Os técnicos destacaram também que houve queda de granizo e ventos fortes em áreas menores, com formação de geada tardia, quando a cultura estava em floração e formação do grão, fases suscetíveis a danos pelo frio intenso.

Soja
A Emater também estimou que a produção de soja do Estado, terceiro maior produtor da oleaginosa no país, deverá ficar em 15,14 milhões de toneladas na temporada 2015/16, cujo plantio está em andamento.

A projeção representa uma queda de 3,6 % ante 2014/15.

Ante a previsão inicial para a safra 2015/16, divulgada em setembro, a nova previsão indica uma ligeira queda de 0,4%, devido a uma redução da estimativa de área plantada.

Da Reuters

Fonte : Globo