Preços dos produtos agrícolas atacadistas têm alta menor no IGP-M, afirma FGV

Fonte:  Ruralbr

Alta em outubro foi de 0,04%, em comparação com o avanço de 1,57% observado em setembro

Sabrina Valle

Os preços dos produtos agrícolas atacadistas subiram menos neste mês, com alta de 0,04% em outubro, em comparação com o avanço de 1,57% observado em setembro, no âmbito do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M). De acordo com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), ainda no atacado, a inflação dos produtos industriais ganhou fôlego no atacado, e avançou 0,91%, após mostrar alta de 0,45%, no mesmo período.

Segundo a FGV, a inflação medida pelo IGP-M perdeu força em outubro e subiu 0,53%, ante alta da 0,65% no indicador de setembro. A taxa acumulada do IGP-M é usada no cálculo de reajustes de aluguel. Até outubro, o indicador acumula altas de 4,70% no ano e de 6,95% em 12 meses. O período de coleta de preços para cálculo do IGP-M de outubro foi do dia 21 de setembro a 20 de outubro.

A taxa mensal do IGP-M, de 0,53%, ficou dentro das estimativas dos analistas do mercado financeiro ouvidos pela Agência Estado, que esperavam um resultado entre 0,45% e 0,60%, e ficou exatamente na mediana das projeções, de 0,53%.

A FGV anunciou ainda os resultados dos três sub-indicadores que compõem o IGP-M de outubro. O Índice de Preços ao Produtor Amplo – Mercado (IPA-M) avançou 0,68% neste mês, após subir 0,74% no mês passado. Por sua vez, o Índice de Preços ao Consumidor – Mercado (IPC-M) apresentou alta de 0,26%, ante avanço de 0,59%, na mesma base de comparação. Já o Índice Nacional de Custos da Construção – Mercado (INCC-M) registrou taxa positiva de 0,20%, em comparação com a elevação de 0,14%, no período.

Agência Estado