.........

Novas estimativas do IGC confirmam oferta global confortável de grãos

.........

Em relatório divulgado ontem, o Conselho Internacional de Grãos (IGC) manteve praticamente inalterada sua estimativa para a produção mundial de grãos na safra 2015/16 em 1,966 bilhão de toneladas. Em maio, o órgão projetou 1,968 bilhão de toneladas.

Esse leve ajuste foi determinado por um recálculo nas projeções para a produção de trigo, que passou de 715 milhões para 711 milhões de toneladas, 1,4% menos que no ciclo 2014/15, por conta de adversidades climáticas em importantes regiões produtoras. Chuvas nos EUA e na Índia têm afetado a produtividade e a qualidade do trigo. Na região do Mar Negro, o problema é a seca.

A projeção para a produção global de arroz também foi reduzida, de 482 milhões para 481 milhões. Mesmo assim, é um volume recorde, 5 milhões de toneladas superior ao da temporada passada, conforme o IGC. Entretanto, o órgão destacou que essa previsão é "provisória", devido às incertezas com o impacto do fenômeno climático El Niño na Ásia.

Já a estimativa para a produção mundial de milho em 2015/16 foi elevada de 961 milhões para 963 milhões de toneladas, 3,6% menos que em 2014/15. No caso da soja, o IGC manteve em 316 milhões de toneladas a previsão para a colheita em 2015/16, 1,86% abaixo do ciclo passada. A estimativa para os estoques de passagem permaneceu em 52 milhões de toneladas, (6% acima do ciclo anterior), mas as previsões para o comércio mundial da commodity foram reduzidas para 122 milhões.

Fonte: Valor | Por Mariana Caetano | De São Paulo