MPF questiona declaração de Tarso

O Ministério Público Federal (MPF) reagiu ontem com uma ação civil pública contra o governador Tarso Genro. Movida pelo procurador da República Ricardo Massia, de Erechim, a ação visa apurar declarações dadas pelo governador de que estaria disposto a ir preso para não cumprir ordens judiciais de desapropriação para assentamento de indígenas. ‘Se sim, haverá consequências’, frisou.

Fonte: Correio do Povo