.........

Ministro da Agricultura deve deixar o cargo até abril

.........

Durante levantamento de safra da Conab, nesta terça, em Brasília, Antônio Andrade falou sobre a possibilidade de se candidatar a deputado estadual ou federal

Carlos Silva

Foto: Carlos Silva / Mapa

Andrade assumiu o comando do ministério no dia 16 de março

Durante o levantamento da estimativa de safra da Companhia Nacional do Abastecimento (Conab), que ocorreu na manhã desta terça, dia 10, em Brasília (DF), o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Andrade (PMDB-MG), afirmou que deve deixar o cargo até abril de 2014. Ele tentará se eleger como deputado estadual ou federal. Andrade acrescentou que se a presidente Dilma Rousseff solicitar sua permanência até o fim do mandato, ele deve cumprir, mas que a intenção é sair antes. O peemedebista assumiu o comando da pasta no dia 16 de março, em substituição a Mendes Ribeiro Filho, do mesmo partido, que se afastou para tratar de um câncer.
Em seu mandato, Andrade anunciou o maior Plano Safra da história, que prevê R$ 136 bilhões em recursos para 2013/2014, e de importantes negociações com mercados internacionais, que mantinham embargo à carne brasileira. No Plano, está previsto o repasse de verbas para a logística e a construção de armazéns, áreas que receberão R$ 25 bilhões nos próximos cinco anos.

RURALBR

Fonte: Ruralbr