.........

Ministério do Meio Ambiente trabalha para alterar Código Florestal no Senado

.........

Izabella Teixeira pretende criar novas condiçoes de debate político em torno do projeto

Fonte: Globo Rural | por Agência Brasil

Agência Brasil
"Não podemos ter um texto que possa gerar contradições", disse a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira

Depois de ser aprovado pela Câmara dos Deputados, o novo Código Florestal segue em discussão e será votado pelo Senado. Enquanto isso, a ministra do Meio Ambiente,Izabella Teixeira trabalha para alterar o texto do projeto de lei.
“Não podemos ter um texto que possa gerar contradições, que não seja recepcionado pela sociedade, que não esclareça para o agricultor familiar e para o agronegócio quais os seus direitos e como se regulariza a situação do passado e, mais do que isso, como avançamos em uma agenda ambiental sólida”, explicou Izabella, sem detalhar os pontos que devem ser alterados.
Ao lado dos senadores Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), Jorge Viana (PT-AC), Luiz Henrique (PMDB-SC), Acir Gurgacz (PDT-RO) e Delcídio Amaral (PT-MS), a ministra avalia o clima de discussão sobre o Código Florestal como extremamente positivo e de entendimento.
“Temos a oportunidade não só de fazer ajustes das imperfeições, mas também de criar novas condições em torno do debate político sobre o código em relação ao clima, à biodiversidade, à agricultura de baixo carbono” afirmou a ministra. “Há um leque de temas que deverão ser objeto, pelo menos no que depende do ministério, para ampliar o debate político e favorecer o diálogo para um relatório conjunto”, destacou.
A ida de Izabella Teixeira ao Senado estava agendada para quinta feira (9/06), mas, devido a um compromisso do senador Luiz Henrique, relator do projeto na Comissão de Agricultura do Senado, foi remarcada para a semana que vem. Após a reunião, o senador Rodrigo Rollemberg declarou estar convicto de que será possível construir um entendimento em torno do novo texto do Código Florestal.