.........

Metade da soja sem valor comercial

.........

 Emater indica casos de colheita de 350 quilos por hectare<br /><b>Crédito: </b>  cp memória

Emater indica casos de colheita de 350 quilos por hectare
Crédito: cp memória

Levantamento divulgado ontem pela Emater indica que a colheita das variedades precoces de soja vem confirmando os baixos rendimentos e a má qualidade do grão, com cerca de 50% do produto sem valor comercial. Após as chuvas, as variedades tardias voltaram a florescer, o que deverá causar problemas na colheita, com presença de grãos maduros e verdes na mesma planta. As perdas são irreversíveis em praticamente todas as regiões. A estimativa de produtividade no Estado segue oscilando de forma significativa, com casos frequentes de rendimentos de 350 quilos por hectare.
A colheita do arroz vem se desenvolvendo normalmente, com uma produtividade média, até o momento, de 7 mil kg/ha. No entanto, há a expectativa de que a qualidade de grãos seja mais baixa que nos anos anteriores, na faixa de 57% de grãos inteiros, quando o ideal seria acima de 60%, tendo em vista a pouca disponibilidade de água. A tendência é que, com a maior disponibilidade de água para as lavouras que estão em fase de maturação, essa qualidade melhore. Em âmbito estadual, o percentual de colheita chega, como média, a 28% do total. No momento, o milho encontra-se com 56% de sua área colhida, tendo ainda 25% em condições para tanto.

Fonte: Correio do Povo