.........

Italiana Emak abre subsidiária no país

.........

Claudio Belli/Valor / Claudio Belli/Valor
Marcelo Utrabo: objetivo é consolidar a presença do grupo no Brasil até 2015

O grupo italiano Emak, fabricante de máquinas para os setores agrícola, florestal e industrial, desembarca oficialmente no Brasil em outubro com a meta de consolidar sua presença no país até 2015.

O grupo, o maior sob controle da holding italiana Yama, terá agora uma subsidiária no país – a Emak do Brasil, com sede em Curitiba, no Paraná. Um centro de distribuição na capital paranaense foi inaugurado em julho passado, mas a comercialização da nova subsidiária começa efetivamente no próximo mês.

Marcelo Utrabo, CEO da Emak do Brasil, afirma que em um prazo de três anos haverá uma melhor definição do que poderá ser feito no mercado brasileiro. A perspectiva é que o faturamento da empresa no país deve superar R$ 40 milhões em 2015.

Por enquanto, o mercado brasileiro será abastecido pelas indústrias do grupo na Itália, França, Estados Unidos, África do Sul e China, com produtos adaptados ao mercado brasileiro, além de uma fábrica terceirizada no Brasil. A companhia já atuava no país por meio de distribuidores.

O grupo Emak vai atuar no Brasil com várias marcas nos segmentos de bombas industriais para os setores offshore, construção civil, papel e celulose, limpeza e saneamento, equipamentos para floresta e jardim e agrícolas – tubos, válvulas e comandos para máquinas de pulverização e outros acessórios.

Apesar de o segmento agrícola ainda representar fatia pequena da receita esperada no Brasil – em torno de 10%, ante 70% do setor de floresta e jardim – a perspectiva é ganhar volume e participação nesse mercado, além de atingir em três anos o mesmo nível de representatividade que a área tem para o grupo na Europa – cerca de 36% do faturamento em 2011, aproximadamente €130 milhões. A receita total do grupo Emak no ano passado somou €357 milhões, considerando todas as empresas adquiridas.

"O mercado agrícola é muito importante para o grupo", revela Utrabo. A empresa pretende se tornar a segunda do mercado nesse segmento agrícola até 2015. "Não tem como um grupo deste tamanho não ter uma presença grande no Brasil", assinala

O grupo Emak foi criado em 1992 a partir da fusão de duas empresas italianas de produtos para florestas e jardim. Setenta e cinco por cento do grupo pertence ao Yama Group e 25% estão listados na bolsa de Milão. Em agosto do ano passado, o Emak adquiriu 100% das empresas Tecomec, Comet, Sabart e Raico, nos ramos de acessórios para mercados agrícola e florestal, bombas de alta pressão e distribuição. O Yama Group agrega 30 empresas diretas e indiretas.

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/2844410/italiana-emak-abre-subsidiaria-no-pais#ixzz27a6lw8Il

Fonte: Valor | Por Carine Ferreira | De São Paulo