.........

Irmãos em xeque

.........

A BNDESPar, braço de participações do BNDES que tem cerca de 21% da JBS, pediu a convocação de uma assembleia de acionistas para pedir o afastamento da família Batista da direção e do conselho de administração da empresa, disseram duas fontes à Reuters. Pelo acordo de leniência firmado pela holding dos irmãos Joesley e Wesley Batista com o Ministério Público Federal, Joesley já foi afastado de qualquer função na JBS por cinco anos. Wesley, contudo, continua a participar do conselho de administração e a ocupar o cargo de CEO da companhia. Os minoritários também vão pedir uma indenização à J&F por supostos prejuízos provocados pelos irmãos Batista.

Fonte : Valor