Garantia à safra de agricultores do Território do Alto Sertão sergipano

Fotos: Rômulo Serpa/MDA

Patrus se reúne com membros do Colegiado do Território da Cidadania do Alto Sertão

O ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, anunciou durante reunião, nesta quinta-feira (10), com o Colegiado do Território da Cidadania de Alto Sertão (SE), que os municípios de Canindé, Gararu, Monte Alegre de Sergipe e Nossa Senhora da Aparecida vão receber recursos previstos no Programa Garantia- Safra, pelas perdas provocadas pela escassez de água.

“Estamos vivendo uma das secas mais longas dos últimos tempos, com mais de cinco anos de estiagem”, disse Patrus ao adiantar que outros municípios sergipanos seguem em avaliação para o recebimento do benefício.

O ministro observou que, apesar dessas dificuldades, as pessoas permanecem em seus territórios rurais produzindo. “Hoje, isso é possível graças a diversos programas voltados para o desenvolvimento da agricultura familiar e dos assentamentos, como o Programa de Aquisição de Alimentos, o Plano Safra, os programas de irrigação e cisternas, a produção agroecológica, o Luz Para Todos, o Bolsa Família e o programa de aposentadoria rural, que valorizam a vida das populações em seus territórios”, elencou ao afirmar que esses avanços vêm a partir do diálogo.

O secretário de Desenvolvimento Territorial (SDT/MDA), Humberto Oliveira, ressaltou que o Colegiado do Território da Cidadania do Alto Sertão tem um histórico importante de organização social. “Trata-se de um território no semiárido brasileiro que, mesmo com todas as dificuldades que a realidade impõe, se organiza, busca soluções e conquista suas demandas pela liderança, pelo trabalho e esforço coletivo no seu dia-a-dia”.

“É uma comunidade que, apesar de suas dificuldades, tornou-se uma referência na produção de alimento para outros estados, mostrando que o sertão tem problemas, mas é capaz de superá-los com esforço e luta”, frisou o secretário estadual da Agricultura e Pesca, Esmeraldo Leal.

O prefeito de Nossa Senhora da Glória, Francisco Carlos Nogueira do Nascimento, e vereadores de municípios do Território também participaram da reunião.

Conhecendo as demandas

Durante o encontro, o Colegiado do Território da Cidadania do Alto Sertão apresentou ao ministro um conjunto de demandas voltadas para ampliação de políticas de valorização do acesso à terra,  ao crédito e à assistência técnica; ampliação dos recursos hídricos (por meio de cisternas e irrigação); e maior incentivo à produção orgânica e atividade econômica para as mulheres. No documento, a comunidade reforçou a necessidade de ampliar o Programa de Revitalização do Rio São Francisco, com o foco na preservação do bioma da caatinga, por meio do apoio dos arranjos produtivos locais.

Após ouvir os presentes, o ministro destacou a importância de políticas públicas de inclusão social que estão em andamento no País. Entre elas, anunciou uma novidade: a assinatura, pela presidenta Dilma Rousseff, do texto normativo que consolida a Agencia Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater). “As políticas de Assistência Técnica e Extensão Rural terão um novo patamar para avançar, setor fundamental para o desenvolvimento rural, porque agrega valor, por meio da agroindústria, da comercialização e de acesso aos mercados”.

Territórios Em Foco

O encontro faz parte da ação Territórios Em Foco, programa do Ministério do Desenvolvimento Agrário que tem o objetivo de promover encontros entre a sociedade civil organizada em Colegiados Territoriais com o ministro Patrus Ananias e autoridades dos governos estaduais e municipais. A visita ao Território da Cidadania do Alto Sertão é a sexta atividade do programa e prevê três dias de encontros, visitas e avaliações das políticas desenvolvidas nos territórios rurais.

Fonte : MDA