.........

Fumicultor cobra novo índice

.........

Ausente à audiência pública, ontem, na Câmara dos Deputados para discutir os efeitos da resolução 4.107/12, que restringe o acesso de fumicultores ao Pronaf, o ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Pepe Vargas, receberá o setor em 8 de agosto. Pelo novo enquadramento, a Fetag estima que 50% das 93 mil famílias de fumicultores gaúchos seriam excluídas do crédito. Pela resolução, a fatia de renda advinda de outras culturas, hoje de 20%, subirá para até 45% na safra 2014/2015. O assessor de Política Agrícola da Fetag, Airton Hochscheid, defende a diversificação, mas reclama do percentual. "Estamos muito preocupados e esperançosos que o governo vá readequar." O secretário de Agricultura Familiar do MDA, Laudemir Müller, diz que o escalonamento vai ao encontro do estabelecido pela Convenção-Quadro da ONU sobre o tema. Para o deputado Alceu Moreira, autor da ação, a regra é impraticável.

Fonte: Correio do Povo