Fiscais decidem nova greve hoje

Paralisação nacional deve atingir todos os estados por cinco dias

Os 4.374 fiscais agropecuários federais decidem hoje, em assembleia geral, sobre a proposta de greve de cinco dias, de 16 a 20 deste mês, feita pelo Sindicato Nacional dos Fiscais Federais Agropecuários (Anffa). A intenção é parar todas as unidades de fiscalização, porém o presidente Wilson Roberto de Sá garante que pelo menos 30% dos servidores serão mantidos em ‘estado de alerta’. O objetivo da nova paralisação é atrair a atenção da mídia para inibir ‘atos de aparelhamento político’ dentro do Ministério da Agricultura. ‘A ideia é constranger o ministro Antonio Andrade (da Agricultura) e, para isso, pedimos a compreensão da população’, afirmou. ‘Eles (o ministério) estão num propósito muito firme de aparelhamento, e essa é a única forma que temos de lutar contra o que está acontecendo.’

A assembleia vai das 9h às 17h. O resultado sai na quarta-feira. Entre as bandeiras, a realização de concursos públicos e a nomeação somente de técnicos em postos de comando operacionais. Defensor de concurso no passado recente, o superintendente do Mapa no RS, Francisco Signor, minimizou a falta de fiscais. ‘Metade do problema se resolve com remanejamento. Tem número excessivo em pontos que não precisam e gente de menos em locais que precisam.’

Fonte: Correio do Povo