.........

FDC e Embrapa firmam parceria

.........

Os estudos voltados à gestão do agronegócio brasileiro serão mais frequentes em 2012. Essa é expectativa da Fundação Dom Cabral (FDC) que, em novembro, firmou um acordo de cooperação técnica com a Embrapa para desenvolver trabalhos de pesquisa em parceria sobre o tema.

"Somamos as competências da Embrapa com a experiência da Dom Cabral em governança, modelos de gestão, organização e posicionamento de segmentos no mercado mundial", diz Alberto Portugal, ex-presidente da Embrapa (1995-2002) e atual coordenador Núcleo de Gestão em Agronegócio da FDC, criado em fevereiro.

E o primeiro projeto da parceria, ligado à cadeia do milho, teve início na última segunda-feira, quando o equipe da FDC reuniu-se, em Sete Lagoas (MG), com representantes da unidade Milho e Sorgo da Embrapa e com a Associação Brasileira dos Produtores de Milho (Abramilho). Conforme Portugal, o projeto, em fase do planejamento – o orçamento ainda está sendo discutido, deve ganhar corpo em meados de março do próximo ano.

Segundo Portugal, o objetivo do projeto é melhorar as condições de produtividade e venda de milho. "É interessante ampliarmos a produção, até porque China vai começar a importar milho, o que é uma oportunidade para o Brasil", diz.

Além do trabalho sobre milho, as pesquisas da parceria entre a FDC e a Embrapa devem incluir temas como logística, infraestrutura e a formação de fundos privados setoriais. "Ainda não temos os detalhes, mas há um grande interesse nessas áreas", confirma Portugal.

Fonte: Valor | Por Luiz Henrique Mendes | De São Paulo