.........

Farsul sugere utilização de açudes

.........

Durante a audiência pública de ontem na Comissão de Saúde e Meio Ambiente, a Farsul propôs a criação de açudes nas propriedades, o que dependeria, segundo o consultor de meio ambiente da federação, Ivo Lessa, de autorização da Fepam. Ele diz que a medida reduziria em 50% a captação de água do Rio dos Sinos. O encontro reuniu deputados, autoridades ambientais e prefeitos da região e foi proposto pela deputada Ana Affonso.
A divergência em relação à captação no Sinos acentuou-se nos últimos dias em função da escassez de chuva. Na semana passada, a Associação dos Prefeitos do Vale do Sinos enviou documento ao governo do Estado sugerindo acabar com os arrozais na região até 2015. A cada ano, a partir do próximo, a área de plantio seria reduzida em 25%. "Nós precisamos mudar a matriz produtiva da região, é um problema estrutural", defende o prefeito leopoldense, Ary Vanazzi, que preside o Pró-Sinos. "Somos radicalmente contra essa proposta. A lavoura de arroz fez a sua parte. A população é que cresceu nas cidades e os investimentos em reserva de água não acompanharam o ritmo", frisa o presidente da Federarroz, Renato Rocha.

Fonte: Correio do Povo