.........

Estado deve receber 66 mil t de milho

.........

Começam a ser carregadas, nesta semana, 30,2 mil toneladas de milho subsidiado pelo governo federal para atender a agricultores prejudicados pela seca ainda no primeiro semestre. O grão será distribuído em Estrela, Passo Fundo e Santa Rosa, polos com demanda superior à oferta. O Estado possui, hoje, 42,1 mil toneladas (t) para o programa em 12 municípios. O custo da saca é de R$ 21, abaixo do mercado. O déficit se estende a praças com forte consumo, como, por exemplo, Marau, com saldo de 79 t, e São Luiz Gonzaga, onde o milho acabou, mesma situação de Santa Rosa. Em 15 dias, devem chegar ao RS outras 35,84 mil que estão atrasadas. Até o dia 21, a Conab contratou frete para 118,87 mil t e embarcou 79,17 mil t. O superintendente da Conab/RS, Glauto Melo, acredita que, a partir de agora, o fluxo será normalizado.
Apesar de parte dos agricultores ter conseguido milho, o vice-presidente da Fetag, Carlos Joel da Silva, critica a morosidade, provocada, especialmente, pela escassez de empresas interessadas em realizar o frete.

Fonte: Correio do Povo