.........

EMPRESAS E NEGÓCIOS – Empresa investe R$ 3 milhões em estação experimental no RS

.........

Divisão da Dimicron em Cruz Alta testa cultivos de soja e milho com produtos da própria empresa e de concorrentes

A produtora de fertilizantes foliares Dimicron Química do Brasil inaugurou nesta quarta-feira (24/2) uma nova estação experimental em Cruz Alta (RS) onde fica a sede da empresa. Na estação, são feitos testes nos cultivos de soja e milho com produtos da própria empresa com várias combinações diferentes, e também a comparação com o desempenho de adubos de empresas concorrentes, somando ao todo 87 protocolos.

saiba mais

O espaço de 3,5 hectares é o primeiro lote de testes de propriedade da própria companhia, foi montado desde Junho de 2014 e faz parte do projeto do Centro de Inovação Tecnológica da Dimicron. O Centro, que tem previsão de inauguração em meados deste ano, engloba a própria estação e uma unidade física no local, trabalhando em conjunto com o laboratório de Cuiabá, no Mato Grosso e as 27 estações em terras de clientes em lugares como Rio Grande do Sul, Goiás, Mato Grosso, São Paulo e no Nordeste do país. O projeto prevê um investimento total de R$ 3 milhões.

“Aqui juntamos todo os dados realizados pela equipe. Nosso objetivo é melhorar cada vez mais os nossos produtos com os dados dessa pesquisa sempre tentando aumentar os resultados do produtor,” disse Ricardo Camara Werlang, gerente de Pesquisa e Desenvolvimento da Dimicron.

A inauguração foi feita durante a IV Rota Tecnológica da Dimicron, que percorreu 500 quilômetros em regiões produtoras de soja no Noroeste do Rio Grande do Sul. O evento reuniu produtores, cooperativas, agrônomos, representantes e jornalistas para compartilhamento de conhecimentos técnicos.

* O jornalista viajou a convite da Dimicron Química do Brasil.

POR LUÍS VIEIRA*, DE CRUZ ALTA (RS)

Fonte : Globo Ruralglo