.........

Eles estão chegando

.........

Nos anos da Guerra Fria, a grande paranoia ocidental era a de que os russos invadissem países do lado de cá da Cortina de Ferro. Depois da queda do Muro de Berlim, a chegada de uma missão russa ao Brasil é saudada como uma esperança de dias melhores para a indústria de carnes – pois a Rússia é grande compradora da produção brasileira. Os técnicos russos não encontrarão problemas em frigoríficos que já exportam para mais de 150 países. Sanidade não é, definitivamente, uma barreira. Acontece que o comércio internacional é uma via de mão dupla. E enquanto o governo brasileiro não se dispuser a comprar equipamentos militares e outras traquitanas da Rússia, suinocultores, avicultores e pecuaristas estarão sujeitos a intempestivos e inexplicáveis embargos.

Fonte: Zero Hora | OLHAR DO CAMPO | Irineu Guarnier Filho