Economia – Refis: Câmara aprova perdão a entidades religiosas e educacionais

Regra abrange débitos em todos os tributos federais, inclusive os que são objeto de parcelamentos ou estão em discussão administrativa ou judicial

Votação do Refis na Câmara dos Deputados

more_horiz

O projeto que cria o novo Refis, aprovado na Câmara, ainda precisa ser votado pelo Senado e passar pela sanção do presidente Michel Temer para entrar em vigor. (Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

Entidades religiosas e instituições de ensino vocacional terão perdão das dívidas de todos os tributos federais, inclusive os que são objeto de parcelamentos ou estão em discussão administrativa ou judicial. Essas organizações também terão isenção de impostos, por 5 anos, se exercerem atividade de assistência social sem fins lucrativos – benefício que atinge tributos sobre patrimônio, renda ou serviços.

Por Da redação

Fonte : Veja.com