.........

Dólar impulsiona exportações de milho em Mato Grosso

.........

 

Volume total foi de 747,3 mil toneladas do cereal, ficando atrás apenas de julho de 2012

milho_plantação (Foto: Ernesto de Souza/ Editora Globo)O dólar está entre os responsáveis pelo bom momento do cereal (Foto: Ernesto de Souza/ Editora Globo)

No começo da temporada de exportações de milho da safra 2014/2015, o mês de julho já apresenta bom desempenho de vendas: o Instituto Matro-grossense de Economia Agropecuária (Imea) divulgou nesta terça-feira (18/8) que o volume embarcado já é o segundo maior da história, ficando atrás apenas de julho de 2012, quando o Estado embarcou 869 mil toneladas do grão. O volume do acumulado do mês foi de 747,3 toneladas.

O dólar está entre os responsáveis pelo bom momentol. Com a valorização da moeda, os Estados Unidos perdem espaço e os exportadores mato-grossenses conseguem atrair importadores commilho com preços menores no mercado internacional, sem ter grandes prejuízos com o câmbio.

saiba mais

"O preço do cereal no Estado fechou a última semana com variação positiva de 1,72%, cotado na média em R$ 15,56/sc, buscando suporte no dólar valorizado", afirma o instituto. "Para se ter uma ideia, em julho de 2015 o valor médio da tonelada emdólares foi o menor desde julho de 2010, estabelecendo-se em US$ 171,45/t. Com isso, de forma geral, observa-se um cenário animador para as exportações mato-grossenses, com um aumento da competitividade em decorrência de um real desvalorizado", finaliza o Imea em nota.

POR REDAÇÃO GLOBO RURAL

Fonte : Globo Rural