.........

Dia de volatilidade para arábica e açúcar em NY

.........

A massa de ar polar que atingiu o Brasil nesta semana provocou forte volatilidade nos preços futuros do café arábica e do açúcar demerara na bolsa de Nova York após o registro de geadas pontuais no Paraná e no Mato Grosso do Sul. Na semana, até ontem, os papéis de segunda posição do café subiram 201 pontos, cotados a US$ 1,358 a libra-peso. Os contratos de açúcar com o mesmo vencimento acumularam valorização de 18 pontos, cotados a 15,21 centavos de dólar a libra-peso.

Segundo Marco Antônio dos Santos, da Rural Clima, os danos no Mato do Grosso do Sul só poderão ser dimensionados daqui duas semanas. Ele adiantou, porém, que os prejuízos devem ser pontuais. "As geadas foram amplas, mas os problemas foram pontuais porque já havia muita cana colhida", afirmou Santos.

Paulo Sergio Franzini, especialista em café do Departamento de Economia Rural da Secretaria de Agricultura do Paraná (Deral), afirmou que, no Estado, as geadas se restringiram às regiões de baixada, onde não há cultivo do grão. "Os relatos são de que não houve dano significativo", disse.

Nos próximos dias, a previsão é que as temperaturas subam gradualmente, mas uma nova massa de ar deve atingir o país entre 25 e 27 de julho. Essa nova onda de frio, contudo, será mais fraca que a desta semana, segundo Santos.

Por Cleyton Vilarino | De São Paulo

Fonte : Valor