Demanda por crédito deve ser concentrada

Governo espera maior número de pedidos de recursos do Plano Safra em agosto, setembro e outubro

O diretor do Departamento de Economia Agrícola do Ministério da Agricultura, Wilson Vaz de Araújo, afirmou nesta terça-feira,18, que os recursos do Plano Safra 2015/2016 têm sido liberados normalmente. E que em agosto, setembro e outubro deve haver concentração na demanda por operações de custeio.

A fala dele ocorreu durante audiência pública na Comissão de Agricultura da Câmara para avaliar o desenvolvimento do crédito rural neste início de Plano Safra. "Parece-me, exceto por um banco ou outro, que os resultados têm sido melhores do que os do ano passado", afirmou.

O representante do Banco do Brasil na audiência, Ivandré Montiel da Silva, ponderou que o cenário para o crédito rural segue favorável. Ele relatou que, dentro da carteira do BB, a inadimplência do setor agropecuário ficou em 0,73% em junho. "Talvez um das menores da nossa série", disse.

Ele relatou ainda que houve incremento de 12,4% nas contratações do BB em julho, primeiro mês do ano-safra 2015/2016, passando de R$ 7,19 bilhões para R$ 8,1 bilhões. Nas operações de custeio houve aumento do desembolso de 43%, passando de R$ 4,47 bilhões para R$ 6,38 bilhões.

 ESTADÃO CONTEÚDO

Fonte: Portal BDO