.........

Defesa agropecuária é prioridade, diz Kátia Abreu

.........

País possui firme compromisso com a sanidade animal e vegetal, afirma a ministra

A ministra da Agricultura, Kátia Abreu, afirmou que o orçamento da parte de defesa agropecuária é a maior prioridade da pasta, diante do “compromisso firme e inapelável” do país em garantir a sanidade animal e vegetal do setor agropecuário.

Ela citou o lançamento do Plano Nacional de Defesa Agropecuária para demonstrar a importância sendo dada ao controle e erradicação de doenças e pragas.

– Trata-se da iniciativa que pretende trazer ao sistema brasileiro de defesa agropecuária a modernização que ocorreu nos últimos anos na agricultura do país – disse a ministra durante a abertura da 83ª Sessão Geral da Organização Internacional de Saúde Animal (OIE), em Paris, França.

*Veja também: Cortes complicam defesa vegetal em Mato Grosso

Kátia Abreu também falou dos esforços brasileiros para integrar os sistemas de controle e defesa sanitária dos países da América do Sul, colocando à disposição a Plataforma de Gestão Agropecuária, plataforma que reúne informações relacionadas à produção das principais cadeias do agronegócio.

– Com essa ferramenta os consumidores dos nossos produtos no Brasil e em todo o mundo poderão ter acesso a informações seguras e em tempo real sobre a origem dos produtos que estão consumido – afirmou.

*Veja também: PDA pode ajudar vigilância e segurança sanitária, afirma Rangel

A ministra falou ainda da intenção do governo de ampliar a área agrícola irrigada no Brasil, utilizando “com responsabilidade” os 12% de água doce do mundo presentes no país. Segundo ela, a medida ampliará a produtividade e evitará o desmatamento.

Fonte: Canal Rural

25 de Maio de 2015 às 19:05Canal Rural
Atualizado em: 25 de Maio de 2015 às 20:22

Fonte:Marcelo Camargo/Agência Brasil