DANILO UCHA – Uma das muitas repercussões da crise

Ana Cristina de Souza Gomes, presidente da Solarium Revestimentos

Ana Cristina de Souza Gomes, presidente da Solarium Revestimentos

A diminuição das atividades na indústria da construção se reflete em vários setores. Um dos exemplos é a indústria de pisos e revestimentos, que viu diminuir suas encomendas, teve que dispensar pessoal e ajustar seus custos. A informação é da arquiteta Ana Cristina de Souza Gomes, fundadora e presidente da gaúcha Solarium Revestimentos, acrescentando que a crise já gerou uma queda de 10% no volume geral da empresa, que tem quatro fábricas, uma em Porto Alegre, outras em São Paulo, Recife e Brasília, e está construindo uma quinta, também em São Paulo. O que vem mantendo o negócio é a onda do retrofit, a tendência de reformar prédios antigos, ao invés de construir novos. No entender dela, 2016 “será ainda pior, pois neste ano não estão sendo feitos lançamentos de grandes empreendimentos”. Além da restrição do crédito oficial ao setor imobiliário, as pessoas e as empresas não tem condições de planejar nada, diante da insegurança econômico-financeira, política e social. “Nossa empresa está bem, levando em conta o mercado como um todo, que está muito ruim. Mas nunca se trabalhou tanto para ganhar tão pouco”, concluiu Ana Cristina, acrescentando que fará novos lançamentos em revestimentos, um deles “uma coisa jamais vista, mas sobre a qual ainda não posso falar”.

Precaução

Os arrombamentos e roubos em indústrias e empresas em áreas industriais cresceram tanto que algumas empresas estão adotando uma precaução inusitada. Substituíram os computadores de mesa por notebooks e, no final do expediente, dois ou três funcionários selecionados recolhem os equipamentos, colocam nos porta-malas dos seus carros e os levam para casa. Trazem de volta no dia seguinte. Quem também não sabe mais o que fazer são os transportadores de carga. Segundo a Associação Nacional do Transporte de Cargas & Logística (NTC), o roubo de carga no Brasil teve um aumento de 42% nos últimos quatro anos.

Firme e forte

Os 86 anos de Raul Anselmo Randon, fundador e atual presidente do Conselho de Administração das Empresas Randon, serão comemorados em tradicional cavalgada, que leva o seu nome, no dia 1 de agosto, em Caxias do Sul. Em sua 8ª edição, a Cavalgada Raul Anselmo Randon tem o objetivo de resgatar a cultura e as tradições gaúchas, além de prestar uma homenagem pelo aniversário do empresário, celebrado no dia 6 de agosto.

Cartórios

Um claro sinal de que a crise econômico-financeira pegou pesado nas atividades do País está nos cartórios de registros. O dono de um cartório comentou que seu movimento diário diminuiu mais de 40% nos últimos meses. Não há transações a registrar.

Ovos

Os gaúcho estão comendo, em média, 190 ovos por ano. É uma média boa, mas ainda baixa em relação a outros países. Este crescimento se deve ao Projeto Ovos RS, desenvolvido pela Associação Gaúcha de Avicultura (Asgav) para incentivar o consumo deste alimento rico em nutrientes e remunerar melhor os produtores. Neste semestre, começará uma nova campanha promocional, segundo o coordenador do projeto, Eduardo dos Santos.

Mercedes-Benz

A Mercedes-Benz, que tem 49,5% do emplacamento de veículos premium de Porto Alegre, abriu ontem a nova concessionária Savarauto, a quarta do grupo na região. A expectativa é crescimento de 20% nas vendas.

O Dia

  • Santana do Livramento, na fronteira com o Uruguai, comemora 192 anos de fundação.
  • A loja Lebes de Viamão reinaugurará a antiga loja na rua Alcebíades A. Dos Santos, 261.
  • A economista Maria Teresa Gullo fará palestra sobre retração econômica e desemprego, às 8h, na CIC Caxias do Sul.
  • O Movimento de Casais Jovens da Igreja Católica realizará encontro preparatório ao 8º Encontro Mundial das Famílias, com o Papa Francisco, em setembro, na Filadélfia (EUA). Será no Instituto São Fancisco, às 9h.
  • A Associação Brasileira da Indústria de Hotéis-RS promoverá almoço, no Hotel Embaixador para analisar a situação dos hotéis locais.
  • Almoço da ADCE será conjunto com Dicielb e Geelpa, na rua Senhor dos Passos, 202, com palestra do prefeito José Fortunati, às 12h.
  • Percival Puggina será o palestrante do almoço da ACI Novo Hamburgo, Campo Bom e Estância Velha, às 11h45min, na Sociedade Ginástica Novo Hamburgo.
  • A tributação em tempo de crise será o tema na Federasul, às 12h, no Palácio do Comércio, com os advogados Henry Lummertz e Eduardo Refosco.
  • O superintendente da Hamburg Süd Brasil, Julian Thomas, mostrará as oportunidades e desafios na logística marítima do Brasil, no almoço da Câmara de Comércio Brasil-Alemanha, às 12h, no hotel Plaza São Rafael.
  • O especialista em comunicação digital Roberto Andrade fará palestra a jornalistas, às 17h30min, na Associação Riograndense de Imprensa.
  • Abertura da mostra Festas Agepes e lançamento da 3ª edição da sua revista, às 19h, no hotel Plaza São Rafael.
  • Professora e ilustradora Patrícia Langlois toma posse, às 19h, no Instituto Estadual do Livro, no Memorial do RS (rua Sete de Setembro, 1.020). Substitui Jaime Cimenti, nomeado para o Conselho Estadual de Cultura. A escritora Marô Barbierie assume a Associação Lígia Averbuck.
  • O vinho uruguaio Ysem Tannat Gran Reserva, da Carrau, será apresentado pelo sommelier Tairone Kupka, da Vinhos do Mundo, às 19h, na Bazkaria, rua Comendador Caminha, 324.
  • José Antonio Fernandes Martins, da Marcopolo, será o palestrante do jantar da ADCE Serra, às 19h30min, na CIC Caxias do Sul.
  • Jornalista Fernanda Nascimento, repórter do Jornal do Comércio, lança o livro Bicha (nem tão) má – LGBTs em telenovelas, às 20h, na livraria Baleia (rua Santana, 252), em Porto Alegre.
  • DANILO UCHA
    ucha@jornaldocomercio.com.br
    Painel Econômico

    Fonte : Jornal do Comércio